Review | ‘Game of Thrones’ consolida vilão para o decorrer da temporada

Review | ‘Game of Thrones’ consolida vilão para o decorrer da temporada

Autor: 172

O segundo episódio da temporada de ‘Game of Thrones‘ serviu para apontar várias flechas e atirar, de fato, só algumas. Como já era esperado, não vai ser tudo entregue de bandeja logo de cara, então muitas negociações e estratégias serão trabalhadas antes de o circo pegar fogo.

Essa review possui spoilers do episódio Stormborn (s07e02)

Falando em fogo, Daenerys se mostrou bastante ansiosa para tomar logo os Sete Reinos, o que faz ela parecer com a descrição atribuída a seu pai, o Rei Louco. E o problema é que seus conselheiros e aliados já estão se contradizendo – mesmo que sem querer – nos palpites sobre a reconquista. Enquanto Olenna Tyrell a aconselhou a “agir como um dragão”, Yara Greyjoy e Ellaria tentaram influenciá-la a atacar Porto Real logo de cara, Tyron manteve os pés da rainha no chão e mostrou que, se ela quiser um reino para governar, não poderia simplesmente queimar o que estiver à sua frente.

De fato, a estratégia dele é melhor. Conquistando o apoio das grandes casas, seria bem mais fácil derrotar Cersei. Sem contar que é melhor não depender dos dragões sempre, uma vez que eles podem, sim, ser mortos. Qyburn inclusive já estava cuidando para que isso virasse uma possibilidade real, a partir da construção de um instrumento de batalha poderoso.

Ainda falando sobre Dany, outras linhas de diálogo foram fundamentais para o andamento da história, como a discussão com Varys e a conversa com Mellisandre. Esta porque parece ter calçado as sandálias da humildade depois de erras várias previsões; aquele por finalmente revelar a qual rei sempre foi fiel – no caso, nenhum rei e, sim, ao povo em si.

game of thrones daenerys

Outra narrativa que foi delicadamente trabalhada foi a de Tyrion, que de novo se mostrou profundo conhecedor de estratégias de batalhas em Westeros, além de um bom conselheiro. A invasão de Rochedo Casterly seria o sinal de força necessário para Daenerys angariar aliados contra Cersei – e uma vitória pessoal para ele, que conquistaria o castelo no qual cresceu.

Além disso, ele escreveu para o Rei do Norte em nome da Rainha dos Dragões, lembrando da amizade que construiu com Jon Snow. O anão certamente será o elo entre a herdeira Targaryen e o Rei do Norte.

game of thrones tyrion

Nesse núcleo, também merece destaque a ótima cena entre Missandei e Verme Cinzento. O diálogo em que eles finalmente admitiram o sentimento que nutrem um pelo outro foi bem escrito, culminando em uma cena de sexo não apelativa e até bonita. Desta vez a nudez não foi explorada gratuitamente, as formas alternativas de prazer que não envolvem penetração – as únicas possíveis, nesse caso – não foram exageradas. Foi uma boa cena, mas já se prepare: conhecendo Game of Thrones, uma demonstração de amor assim pode significar o fechamento de um ciclo, e ciclos geralmente se fecham com a morte de alguém…

+Leia também: Review | Game of Thrones (s07e01 – Dragonstone)

No Norte, um ponto negativo foi a insistência no discurso desafiador de Sansa em relação a Jon Snow durante as reuniões com os Lordes vassalos. A teimosia dela foi desnecessária e não fez muito sentido, principalmente porque eles já haviam conversado sobre como isso era ruim.

No entanto, o que se percebeu foi que Jon confia na irmã, mas que a presença de Mindinho é uma presença muito, muito indesejada. O próprio Rei do Norte o colocou contra a parede (literalmente) e deu o ultimato para que ele se afastasse de Sansa.

Quanto aos planos de conseguir vidro de dragão para forjar armas para a grande guerra, Jon assumiu o risco de conhecer Daenerys. As histórias espalhadas sobre os Targaryen ao longo dos anos assustavam a todos, mas Jon não poderia se dar ao luxo de recusar uma aliada como essa. Agora é esperar para assistir ao tão esperado encontro entre eles.

+Leia também: Snoop Dogg, ‘Game of Thrones’ e aula de história que você respeita

Quem não deve se encontrar com o Rei do Norte é Arya. Ela estava a caminho de Porto Real, mas, ao saber que o irmão havia sido coroado em Winterfell, resolveu ir para casa – essa descoberta se deu em um reencontro muito legal com Torta-Quente, momento que voltou a humanizar a jovem Stark e afastar um pouco a imagem de assassina sem limites que ela estava adquirindo.

No caminho para o Norte, ela topou com ninguém menos que Nymeria e sua alcateia. A loba-gigante a princípio não a reconheceu, mas, mesmo depois de ver que se tratava de sua antiga dona, ela apenas deu meia volta e foi embora com os outros animais. Arya ainda falou “não é você”, o que está causando confusão na cabeça dos fãs, mas era Nymeria mesmo. O que a garota quis dizer foi que a loba não é mais a mesma de antes, assim como a própria Arya.

Torcendo para elas se encontrarem novamente, né?

game of thrones nymeria

Sam continou protagonizando um dos núcleos mais interessantes desse sétimo ano. Ele se manteve questionador e trocou excelentes diálogos com o Arquimeistre do qual é “estagiário”. Em uma dessas, o gordinho Tarly descobriu uma suposta cura para a escamagris, sumariamente desprezada pelo velho. Mas o Sam-desafiador foi lá e tentou aplicar a tal cura em Sor Jorah. A cena foi nojenta e agoniante, mas parece que o cavaleiro vai sobreviver à doença.

Finalmente, o grande acontecimento do episódio. Enquanto Yara e Ellaria Sand continuavam competindo para ver que conseguiria ser a mais chata da temporada (apesar de a cena do flerte entre elas ter sido até engraçada), Euron Greyjoy atacou os navios dos irmãos e mostrou o porquê de ele ser o vilão mais promissor da série. Não ficou tão claro na série quanto nos livros, mas Euron é MUITO apelão. Infelizmente esta batalha foi rápida demais para mostrar como ele é perigoso, mas deve ter sido suficiente para passar a mensagem de que ele não está para brincadeira.

O sequestro de Yara e Ellaria será o presente que ele prometeu a Cersei para que acontecesse o casamento, então deve ter festa em Porto Real nos próximos episódios. O negócio é saber como Jaime vai reagir, uma vez que ele não está mais tão contente com a irmã como em outras épocas.

+Leia também: As melhores teorias de Game of Thrones (nos livros)

As grandes expectativas para os próximos episódios estão na chegada de Jon em Pedra do Dragão e de Arya em Winterfell, além da entrega das reféns de Euron a Cersei. Outro núcleo interessante que poderia aparecer mais é o da Irmandade Sem Bandeiras, principalmente após aquela visão do Cão de Caça. O que será que está acontecendo na tal montanha de gelo nos limites da Muralha?

Confira o teaser do episódio 3:

Compartilhe nas redes sociais:
Filipe Rodrigues

Jornalista, apaixonado por futebol, nerd e leonino. Apesar de acompanhar tudo o que acontece no mundo dos esportes, escolheu o universo das nerdices pra dedicar seu tempo produtivo e criativo. Gosta muito de Superman; entre Vingadores e X-Men fica com os mutantes; adora coisas nostálgicas como Digimon, Power Rangers e Dragon Ball; e seu filme favorito agora é Mad Max: Estrada da Fúria!

SAIBA MAIS SOBRE

Leia Também

As diferentes versões do tema de Game Of Thrones

As diferentes versões do tema de Game Of Thrones

E se… o seu time de futebol fosse uma casa de ‘Game of Thrones’?

E se… o seu time de futebol fosse uma casa de ‘Game of Thrones’?

Game of Thrones | Jogo Dos Tronos ou Jogo Das Traições?

Game of Thrones | Jogo Dos Tronos ou Jogo Das Traições?

Review | ‘Game of Thrones’ capricha em retorno para a 7ª temporada

Review | ‘Game of Thrones’ capricha em retorno para a 7ª temporada

Adicione Um Comentário.