Resenha | Caminho das Sombras, best-seller de Brent Weeks

Resenha | Caminho das Sombras, best-seller de Brent Weeks

Autor: 2.595

Ficha técnica

Resenha | Caminho das Sombras, best-seller de Brent Weeks

Título original: The Way of Shadow
Série: Trilogia Anjo da Noite
Autor: Brent Weeks
Editora: Arqueiro
Ano de Publicação: 2016
Número de páginas: 432

Avaliação Uber7

O assassino perfeito não tem vínculos, apenas vítimas.

Para Durzo Blint, assassinato é uma arte… e ele é o artista mais bem sucedido da cidade. Temido por muitos, Durzo é uma lenda viva com as mãos manchadas de sangue e nenhuma culpa pelas vítimas que deixa pelo caminho.

Para Azoth, a sobrevivência é precária já que ele é um garoto de rua e faz parte de uma guilda de ladrões. Ele almeja mudar de vida ao se tornar aprendiz do melhor assassino da cidade, Durzo, o problema é que, para tal, primeiro ele tem que provar seu valor virando suas costas para tudo e todos de sua antiga vida e encarnar sua nova identidade. Como Kylar Stern, ele deve aprender a navegar em um perigoso mundo de assassinos, magias estranhas, política, sexo, um jogo de podere e ainda cultivar uma relação próxima com a morte.

Se você procura um livro com ação, segredos sombrios, magia e sangue, muito sangue, ‘Caminho das Sombras‘ é definitivamente a obra que você quer. Lançado em 2008, trata-se do primeiro trabalho do autor americano Brent Weeks, responsável também pela trilogia ‘The Black Prism‘. Apesar do sucesso lá fora, onde já vendeu mais de três milhões de exemplares, consagrando-se rapidamente como best-seller, o livro só chegou ao Brasil em março de 2016, quando foi lançado pela Editora Arqueiro.

Caminho-das-sombras-capa

A obra é do tipo de livro que começa de forma forte, mexendo com tudo que você conhece ou acha conhecer, com uma passagem tão pesada que fica claro o público alvo: jovens adultos. O que por si só já um grande diferencial de outras livros do gênero fantástico, tarjados como infantojuvenil. A violência toma conta da trama de maneira surpreendente, tecendo-se na história, aumentando as emoções que o leitor sente por alguns personagens, principalmente ódio e raiva.

Além da ação continua e suspense criados para cada cena de assassinato e fuga, a narrativa em terceira pessoa, alternada de personagem para personagem, é uma das coisas que o torna a leitura mais fácil e dinâmica. A narração é precisa, porém direto ao ponto, envolvendo os sentidos de maneira que o leitor se imagina escondido nas sombras, esperando para atacar o alvo ao lado dos assassinos Kylar e Durzo.

Por diversas vezes, o leitor se percebe com o queixo caído com a forma como a história se desenrola, quando tudo parece estar indo bem, vem uma reviravolta e muda o curso da trama de novo. Outro diferencial do trabalho de Weeks é que ele não se dedica à descrições longas e cansativamente detalhadas. O autor segura a informação liberando apenas o suficiente para manter o enredo girando através de capítulos curtos e concisos. Ainda assim, ele consegue dar forma a este sombrio novo universo de magias de tirar o fôlego, cativando o público com ação frenética e personagens misteriosos que tendem a evoluir de forma surpreendente. Uma boa pedida para quem não se importa com a violência e procura algo mais rápido.

‘Caminho das Sombras’ (The Way Of Shadows) é o primeiro livro da trilogia ‘Anjo da Noite‘, paara acessar um trecho, disponibilizado pela Arqueiro disponibilizou, basta clicar aqui. A série fez tanto sucesso lá fora que ganhou também sua própria graphic novel, adaptada por Ivan Brandon para a Yen Press, com arte de Andy MacDonald, que você também pode conferir uma amostra logo abaixo.

Compartilhe nas redes sociais:
Everson Araujo

Jornalista, aspirante a escritor, professor de inglês, executivo e grisalho. Geek de nascença, é viciado nas melhores séries de TV, quadrinhos e animes, tanto da atualidade quanto os clássicos. Amante de cinema e crítico, Everson vê no universo dos livros a incrível sensação de escape do mundo real.

Leia Também

Resenha | O best seller ‘The Black Prism’

Resenha | O best seller ‘The Black Prism’

Resenha | Mr. Mercedes, de Stephen King

Resenha | Mr. Mercedes, de Stephen King

Adicione Um Comentário.