Top 7 | Melhores aberturas de desenhos dos anos 90

Top 7 | Melhores aberturas de desenhos dos anos 90

Autor: 453

Anos 1990, década cheia de séries e desenhos animados que marcaram gerações por sua qualidade, ou falta dela. Verdadeiras obras de arte que se tornaram clássicos da cultura pop. Dentre personagens inesquecíveis, trama e design, o que também chamava a atenção eram as aberturas – aqueles primeiros minutos que antecediam as séries e apresentavam seus personagens, normalmente acompanhados de uma música.

Pensando nisso, o Uber7 preparou uma lista especial com sete das melhores aberturas de desenhos animados desta década de ouro da televisão mundial. Seja por causa de uma canção animada, cores, ritmo ou estilo, as aberturas ficaram tão marcadas quanto os próprios desenhos, sempre arremetendo a bons momentos na sala de frente para TV. Portanto, prepare os fones de ouvido e se delicie com esta nostálgica lista que te levará de volta à infância.

7 – O Fantástico Mundo de Bobby

Lançado em 1990, ‘O Fantástico Mundo de Bobby’ era um desenho sobre a vida diária de Bobby Generic e o modo como ele via o mundo com sua imaginação extremamente fértil. A série foi criada pelo ator e comediante canadense Howie Mandel, que emprestava a voz para Bobby e seu pai Howard Generic. No Brasil, Bobby ficou famoso sendo exibido todas as manhãs no ‘Bom dia e Cia’ pelo Sistema Brasileiro de Televisão, o bom e velho SBT.

Na abertura do desenho o menino andava com seu triciclo ao redor da casa, encontrando todos os membros da família ao mesmo passo em que se deixava levar pela imaginação e se aventurava pelo espaço sideral e mundo submarino.

6 – Duck Tales – Os Caçadores de Aventura

Apesar de ter sido criado em 1987, ‘Duck Tales – Os Caçadores de Aventura’ ganhou força no Brasil pra valer na década seguinte. Com quatro temporadas ao todo, além de um longa metragem, o desenho adaptava os quadrinhos de mesmo nome de Carl Barks e contava as aventuras de um pato milionário, tio Patinhas, e dos trigêmeos Huguinho, Zezinho e Luisinho, que foram deixados ao cuidado dele quando Donald foi para a Marinha.

O desenho se tornou febre por, diferente dos outros produtos da Disney na época, abordar questões sobre mistério, charadas, aventuras e valores familiares. A abertura se destaca pela contagiante canção criada por Mark Mueller e cantada por Jeff Pescetto, no Brasil com a voz de Luiz Ricardo, aquele do SBT.

+Leia também: ‘DuckTales – Os Caçadores de Aventuras’ com patos reais!

5 – Digimon

A série começou, acredite se quiser, em 1996 com o surgimento do Tamagotchi – aparelhinho que ficaria conhecido popularmente no Japão como Digimon, abreviação para Digital Monsters (Monstros Digitais) – ganhando posteriormente um mangá próprio. A primeira temporada do anime, exibida em 1999, contava a história de sete crianças que, inadvertidamente, foram transportadas para um mundo digital habitado por criaturas conhecidas como Digimon.

Além da qualidade do anime, que abordava os temas mais variados enquanto as crianças batalhavam com os monstros malvados, o que chamou a atenção para a abertura foi que ela era cantada por ninguém menos que a própria Angélica, que ainda dava o ar de sua graça no vídeo, com direito a dancinha e tudo mais.

+Leia também: RIP | Morre Koji Wada, compositor do tema de Digimon

4 – Pokémon

Exibido originalmente em 1997, ‘Pokémon’ acompanha as aventuras do menino Ash Ketchum, ao lado de seu fiel parceiro Pikachu, em sua jornada para se tornar um mestre Pokémon. O anime, que adapta o jogo de sucesso do Game Boy, se tornou uma febre mundial instantaneamente, sendo exibido até hoje nas telinhas, abertas e pagas, além de ter a maioria dos episódios disponíveis na Netflix.

Um dos destaques do anime, sem sombra de dúvida, foi sua abertura viciante que acabou se tornando um hino para todos os fãs da série e jogos. Com voz de Jason Paige na versão em inglês, no Brasil a música foi cantada por Janaina Bianchi.

3 – X-Men

Lançado em 1992, a série animada de ‘X-Men’ foi sucesso imediato entre o público de todo mundo. Ela contava as aventuras dos mutantes e sua batalha pela igualdade e paz com os humanos, a tão conhecida luta das minorias, passada de forma clara em uma época em que o preconceito era ainda maior que os dias de hoje. No Brasil a série foi exibida originalmente pela Rede Globo na TV Colosso e posteriormente na TV Globinho.

Ao som de um incrível tema instrumental, criado por Ron Wasserman, a sequência de abertura contava com a apresentação de cada mutante e seus poderes, seguindo por cenas de batalha dos respectivos heróis.

2 – Homem-Aranha

Lançado em 1994, ‘Homem-Aranha: A Série Animada’ acompanhava Peter Parker durante seus anos de faculdade, enquanto ele batalhava como super-herói e trabalhava como fotógrafo freelancer para o Clarim Diário. O desenho era estilizado e tinha arquitetura moldada a partir dos prédios reais de Nova York, fazendo com que as aventuras do aracnídeo ao redor da cidade ficassem ainda mais divertidas. A trama era tão incrível que contou com a participação de vários outros super-heróis da Marvel, como: X-Men, Quarteto Fantástico, Homem de Ferro, Demolidor, Blade, Doutor Estranho, Justiceiro e Capitão América.

Além da sequência de ação, o que destacava a abertura era sua música tema, criada por Shuki Levy, Kussa Mahchi e Udi Harpaz a pedido da Marvel, a canção era tocada por ninguém menos que Joe Perry, guitarrista principal do Aerosmith!

1 – Batman: A Série Animada

Exibido originalmente em 1992, ‘Batman: A Série Animada’ foi criada por Bill Finger e Bob Kane, com produção de Bruce Timm. Aclamado pelo público e crítica, o desenho é considerado por muitos como a série definitiva do homem morcego, tendo ganhado quatro estatuetas do Emmy Awards. A aceitação foi tamanha que, graças a ela, a DC decidiu investir mais em outras séries animadas no mesmo universo, criando ‘Superman’, ‘Batman Beyond’, ‘Liga da Justiça’ e ‘Liga da Justiça Sem Limites’.

Já na abertura fica claro o tom e a influência noir da série. O personagem principal se mantém nas sombras, como uma verdadeira criatura a noite, aparecendo para o público apenas nos últimos instantes, quando é iluminado por um raio. Outro destaque na abertura está na inigualável trilha sonora composta por Danny Elfman, originalmente feita para o filme ‘Batman’, de Tim Burton.

Menções honrosas:

‘Carmen Sandiego’, da Disney; ‘Doug’, da Nickelodeon e posteriormente da Disney; ‘Hey, Arnold’, da Nickelodeon, ‘Superman: Série Animada’, da DC.

Compartilhe nas redes sociais:
Everson Araujo

Jornalista, aspirante a escritor, professor de inglês, executivo e grisalho. Geek de nascença, é viciado nas melhores séries de TV, quadrinhos e animes, tanto da atualidade quanto os clássicos. Amante de cinema e crítico, Everson vê no universo dos livros a incrível sensação de escape do mundo real.

Leia Também

Nostalgia | Dez músicas que marcaram episódios da série ‘The OC’

Nostalgia | Dez músicas que marcaram episódios da série ‘The OC’

Nostalgia | Os clássicos adolescentes dos anos 80

Nostalgia | Os clássicos adolescentes dos anos 80

Nostalgia | Séries inesquecíveis dos anos 90 – Parte I

Nostalgia | Séries inesquecíveis dos anos 90 – Parte I

Nostalgia | Séries inesquecíveis dos anos 90 – Parte II

Nostalgia | Séries inesquecíveis dos anos 90 – Parte II

Adicione Um Comentário.